Cauê CPII F 32

Cimento de qualidade que apresenta secagem rápida e maior versatilidade de aplicação. É recomendado para qualquer obra corrente de engenharia civil.

Por que usar CPII F 32? Maior durabilidade e concreto com melhor trabalhabilidade e adensamento do concreto, sem prejuízo nas demais propriedades.

Onde usar? Argamassas; Pisos; Fundação; Estrutura de concreto; Artefatos de concreto; Pré-moldados.

Fabricado em: Cajati

Cimento CPIV 32 RS

Os cimentos pozolânicos apresentam maior durabilidade e impermeabilidade, pois conferem ao concreto menor calor de hidratação, maior resistência ao ataque por sulfatos e cloretos, e maior resistência à compressão em idades mais avançadas.

Por que usar CPIV 32 RS? O CPIV 32 RS é um cimento que apresenta resistência acima do especificado pela norma ABNT NBR 5736 Cimento Portland Pozolânico. Tem a propriedade de oferecer resistência aos meios agressivos, tais como redes de esgotos de águas servidas ou industriais, água do mar e alguns tipos de solos, atendendo a norma ABNT NBR 5737 Cimento Portland Resistente aos Sulfatos.

Onde usar? Argamassas de assentamento e revestimento, estruturas de concreto, pisos, artefatos de concreto, obras subterrâneas, galerias e obras próximas ao mar.

Fabricado em: Pedro Leopoldo e Ijaci

Comprar Cimento Cauê CPIV 32 RS

Cimento CPV ARI Estrutura

Por que usar CPV Ari Estrutura? Cauê Estrutura é um cimento superior que apresenta resistência inicial acima de 28 MPa, superando valores mínimos normatizados pela NBR 5733 para cimentos Portland de alta resistência inicial.

Disponível m sacos de 40kg, permitindo um menor espaço para armazenamento, é muito mais forte que o cimento comum e ideal para situações que exigem rápida desforma e alta resistência.

No preparo do concreto, pode-se economizar cimento quando se substitui cimento comum de uso geral por Cauê Estrutura.

É a escolha das maiores fábricas de artefatos em todo o país.

Onde usar? Estruturas de concreto, artefatos de concreto em geral, pavimentos, pisos, pré-fabricados, fundação, argamassas, industrializadas, elementos arquitetônicos,

Fabricado em: Apiaí, Pedro Leopoldo, Ijaci, Cezarina